Press "Enter" to skip to content

Passagem de busão aumenta para R$ 4 pila em Jaraguá

Atenção galera de Jaraguá do Sul: No próximo domingo (11) a tarifa do busão de Jaraguá do Sul vai aumentar. Se você não bobear e deixar para comprar com antecedência, o valor vai  passar a custar R$ 4 pila e a embarcada R$ 4,35 paus. O reajuste é inferior ao valor solicitado pela concessionária de transporte coletivo do município, a Viação Canarinho, que pediu R$ 4,36 para a tarifa antecipada e R$ 4,50 a embarcada.

Em relação aos valores atuais – R$ 3,65 se comprada antes ela va R$ 3,90  dentro do coletivo o reajuste decretado pelo prefeito Dieter Janssen (PP) foi  cerca de 9,5% e 11%, O aumento médio discutido pela Canarinho era de 17,4%.

O prefeito disse que a empresa justificou o pedido de correção mostrando a planilha de custos. “Teve queda no número de usuários em torno de 10%, e já está praticamente há um ano sem reajuste, então foi aplicada a inflação do período”, comenta Janssen.

Baseado nos números levantados pela planilha, o presidente da Viação Canarinho, Décio Bogo, afirma que o valor ideal da tarifa apontado pelo documento seria de R$ 4,36. Bogo falou que respeita a decisão do prefeito e entende que o mandatário considerou o caráter social e público da tarifa.

Janssen explica que a diferença nos porcentuais de reajuste busca incentivar a compra antecipada da passagem do busão levando em conta ainda que 80% da galera do transporte coletivo, segundo o prefeito, têm acesso à passagem antecipadamente por meio do benefício de vale-transporte.

“Infelizmente não teve como não dar esse reajuste. Isso passou no Contransp (Conselho Consultivo do Sistema de Transporte Coletivo), teve votos de todas as entidades, inclusive a Ujam acabou votando a favor”, comentou o prefeito, que destaca que a equipe técnica da Prefeitura fez a análise de todas as informações repassadas pela concessionária.

Por conta do reajuste inferior ao solicitado, o presidente da concessionária viu que será preciso fazer vários concertos nos serviços. Uma das coisas que deve amenizar a situação, de acordo com Bogo, será a diminuição do número de busão que passam em algumas linhas.

Ele falou que a redução já ocorre de forma tranquila em época de fim de ano, por conta das férias coletivas do pessoal que para de trampar e também do recesso escolar. Além disso, Bogo afirma que a empresa irá estudar a fundo o caso.

 

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *